Cognos e o Quadrante Mágico da Gartner

Daí que só agora descobri que em Janeiro foi publicado Gartner´s Magic Quadrant for Business Intelligence de 2010.

Este quadrante é feito para vários mercados, mostra como os players estão se saindo, seus pontos fortes e fracos.

O quadrante de BI publicado em Janeiro de 2010 é este:

Magic Quadrant for Business Intelligene by Gartner

Magic Quadrant for Business Intelligene by Gartner

O que ele nos mostra é que a Cognos, ou melhor, IBM está numa boa posição, numa “liderança” de visão, mas um pouco longe dos lideres.

Traduzi o que a Gartner disse sobre a cognos, digo, IBM:

“IBM

Pontos Fortes

* A empresa possui uma arquitetura de plataforma bem integrada de BI. IBM Cognos 8 continua a ser muito melhor integrado do que a maioria ofertas concorrentes, com metadados comuns a toda plataforma, o  que permite com facilidade a transferência a partir do relatório de consulta para análise. O benefício desta coerência arquitetônica ficou evidente nos resultados da pesquisa, com os clientes IBM Cognos informaram que eles precisam de apenas três funcionários da administração por milhares de usuários em média.

* IBM Cognos tem uma proporção elevada de empresas inteiras – quase três quartos dos clientes IBM contatados como parte desta pesquisa consideram os seus produtos um padrão de BI em sua organização.

* Os clientes IBM Cognos contatados como parte desta pesquisa avaliaram a funcionalidade da plataforma de BI bem, ou acima da média em sete áreas: informação, consulta ad hoc, BI baseada em pesquisa, OLAP, painéis, infra-estrutura de BI e gerenciamento de metadados.

* As vendas globais, da indústria e de integração de sistemas da IBM cresceu fortemente em 2009. Em Abril de 2009, a IBM Global Business Services (GBS) anunciou o lançamento de seu Business Analytics e Optimization (BAO), prática de consultoria com foco em 4000 consultores de BI e gerenciamento de desempenho.

* A visão da IBM para BI foi substancialmente reforçada nos últimos 12 meses, com uma série de iniciativas: uma nova oferta médio porte, a IBM Cognos Express, que proporciona o planejamento integrado, relatórios e análise, a aquisição do SPSS com a sua mineração de dados muito forte, estatística e análise de recursos, fechando uma lacuna em termos de funcionalidade IBM Cognos; o lançamento de uma análise de conteúdo novo que oferece para o texto / dados não estruturados, e um aumentado conjunto de opções de implantação, incluindo a implantação via System z, incorporando BI no Tivoli e Rational, e uma nuvem oferecendo base. De uma perspectiva de estratégia de marketing, o papel significativo de BI da campanha Smarter Planet também impulsiona perfil da IBM.

* A empresa apresenta uma visão forte em curso na aplicação da sua plataforma de BI para apoiar a gestão de desempenho mais amplamente. A IBM continuou a expandir seu portfólio de soluções de pacotes de aplicativos analíticos baseados na plataforma IBM Cognos 8, a adição de produtos de CRM, supply chain, finanças e RH em 2009.

Cuidados

* Na opinião do Gartner, surgem sinais de que a capacidade da IBM de continuar a vender a sua plataforma de BI em empresas com aplicação políticas de abastecimento stack-centric pode ser limitado, apesar de sua habilidade para satisfazer as suas necessidades. A título indicativo, 8,5% dos clientes da IBM Cognos entrevistados disseram que planejam interromper o uso do produto nos próximos cinco anos, contra 1,5% dos clientes que usam SAP BusinessObjects e 3,1% dos clientes que utilizam o Oracle Business Intelligence Enterprise Edition. IBM não tem aplicativos de negócios e não compartilham a mesma visão de BI operacional ou de recursos do Oracle e SAP, que visam integrar as capacidades de plataforma de BI mais no negócio, análise, gestão de desempenho e processos de decisão definidos por suas aplicações de negócio. A visão da IBM para o BI é ampla, estendendo a processos fora do ambiente de ERP. No entanto, o “júri ainda está decidindo” sobre se iste é tão convincente quanto a parceria entre ERP e BI prometida pelos seus principais concorrentes.

* Clientes IBM Cognos relataram redução de experiências de cliente do que em 2008, com o suporte avaliado abaixo dos outros fornecedores no Quadrante Mágico, e uma incidência aumentada de bugs, afetando a sua capacidade de avaliação. Note-se que 2009 foi um período de transição para a IBM, como ela mudou do suporte Cognos para o suporte IBM, e alguns clientes Cognos também experimentaram mudanças de gestão de contas por causa de realinhamentos territóriais.

* Conforme relatado em 2008 e 2009, apesar de suas grandes capacidades funcionais, a maioria IBM Cognos 8 implantações são voltadas a relatórios. Embora a disponibilidade do IBM Cognos 8 PowerPlay Studio tenha melhorado ligeiramente a situação, os usuários do IBM Cognos ainda são menos propensos a fazer algum tipo de análise ad hoc do que usuários de seus principais concorrentes (apenas Actuate e arcplan apresentaram menor uso de análise ad hoc e descoberta ).

* Apesar de algumas mensagens elegantes explicarem seus casos de uso, ainda existem dúvidas sobre a estratégia da IBM para OLAP, que atualmente inclui três ofertas distintas: IBM Cognos PowerCube, IBM Cognos TM1 e IBM InfoSphere Warehouse Cubing Services. Além disso, a natureza autônoma do adquirido OLAP TM1, um componente chave em BI da IBM e as estratégias de produto CPM, é o principal fator a minar a natureza de outra maneira fortemente integrada da oferta global da plataforma de BI IBM Cognos.

* Consistente com anteriores Magic Quadrant, 32% dos clientes pesquisados relataram o mau desempenho como o problema mais freqüentemente relatados com o IBM Cognos 8 – mais do que qualquer outro fornecedor incluído no Quadrante Mágico. No entanto, a IBM está trabalhando em maneiras de melhorar o desempenho do modelo com dados modelados dimensionalmente (DMR) na plataforma IBM Cognos 8 em uma versão futura, juntamente com a agregação nativa (atualmente em teste beta).”

O relatório da Gatner é bem completo e pode ser lido em: http://www.gartner.com/technology/media-products/reprints/oracle/article121/article121.html

Anúncios

One Response to Cognos e o Quadrante Mágico da Gartner

  1. Samuel says:

    Reblogged this on Samuel Matioli.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: